Linha do tempo dos filmes da Marvel

Acompanhe um resumo dos principais acontecimentos de todos os filmes lançados pelo Marvel Studios. Veja 10 anos em 10 minutos. Vários eventos em sua ordem cronológica desde as criações das Jóias do Infinito há 13.8 bilhões de anos atrás até os acontecimentos de Guerra Infinita.

 

Zombieland 2 foi oficializado

Zombieland 2 está oficializado e com elenco original, incluindo: Emma Stone, Woody Harrelson, Jesse Eisenberg e Abigail Breslin. Se liga na premissa do filme:

O novo filme mais uma vez colocará o foco no caos cômico, levando o quarteto da Casa Branca para o coração da América enquanto enfrentam novos tipos de zumbis que evoluíram desde o primeiro filme, bem como alguns novos sobreviventes humanos. Mas, acima de tudo, de acordo com o estúdio, eles têm que enfrentar as dores crescentes de sua própria família sarcástica e improvisada.

No entanto o filme vai abri com uma pergunta. O que aconteceria se ficássemos sem zumbis? Um conceito interessante, que não foi explorado em nenhum filme do gênero até agora. A maneira como o filme aborda a resposta à pergunta é hilária e deprimente. A mudança de “zumbis” para “sem zumbis” pode ser considerada tão grande quanto a mudança de “nenhum zumbi” para “zumbi”. É uma transformação tão dramática para a rotina, o que eles consideram normal, que fundamentalmente altera sua mentalidade. O tédio e a apatia infiltram-se na psique de cada pessoa, aumentando lentamente o descontentamento um com o outro até atingirem um inevitável ponto de stress e bum. O foco principal da narrativa é uma busca para encontrar um membro desaparecido da festa do primeiro filme.

Dois novos Decepticons revelados no filme de Bumblebee

A EW acaba de lançar uma nova foto mostrando mais dois personagens Decepticon no filme de Bumblebee. Ambos terão formatos de carros. Um é chamado de Dropkick, cuja forma de veículo é um AMC Javelin azul e o outro Shatter, que assume a forma de um Plymouth Satellite vermelho-cereja.

Ao falar sobre esses personagens recém-revelados, o diretor Travis Knight diz:

“Os dois principais vilões são os carros musculosos dos Decepticon.”

Ele continua falando sobre o foco no filme ser uma história baseada em personagens:

“Quando o elenco é muito grande e você tem uma quantidade de tempo limitada, há muito o que você pode fazer para criar um investimento neles. Esta é uma história mais pessoal, íntima e baseada em personagens, então parecia certo manter o enredo do vilão relativamente simples e contido. Se você mantiver as coisas enxutas, você pode adicionar muitas outras coisas em cima, o que as torna mais agradáveis ”.

Parece uma pequena crítica a Michael Bay com suas várias explosões e muitos personagens em tela.

Em fuga no ano de 1987, Bumblebee encontra refúgio em um ferro-velho em uma pequena cidade de praia californiana. Charlie, prestes a completar 18 anos e tentar encontrar o seu lugar no mundo, descobre Bumblebee, com cicatrizes de batalha e quebradas. Quando Charlie o revive, ela rapidamente descobre que isso não é um carro comum e amrelo.Bumblebee será lançado nos cinemas em 21 de dezembro.

Robocop Returns será dirigido por Neill Blomkamp

O clássico de 1987, vai ter continuação e será chamado Robocop Returns. Blomkamp, o jovem diretor de Distrito 9 e Chapie, tem uma história escrita há anos e vai poder nos contar oque imagina.

Parece que ele vai voltar para salvar Detroit do crime e da corrupção. Blomkamp é um grande fã do filme e vai ser muito interessante ver visão dele nesse filme.

Dá uma lida no que ele disse:

“O original definitivamente teve um enorme efeito sobre mim quando criança. Eu adorei e ele continua sendo um clássico no final do século 20, com um significado. Espero que isso seja algo que possamos nos aproximar. Esse é o meu objetivo aqui. O que eu me liguei quando era criança e se evoluiu a princípio, o consumismo, o materialismo e o Reaganomics, o tema dos anos 80 da América nos esteróides, apareceram com mais força. Eu envelheci, a parte que realmente ressoou em mim é a identidade, e a busca por identidade. Enquanto o componente humano está lá, uma boa história pode funcionar em qualquer período de tempo, não está trancada em um lugar específico na história. O que é tão legal sobre RoboCop é que, como bons faroestes, filmes de ficção científica e dramas, a conexão humana é realmente importante para uma história bem contada.O que me atrai agora é alguém procurando por sua identidade perdida, levado pelas mãos de pessoas que estão se beneficiando disso e vendo sua memória por eventos. “

Acho que tem tudo para ser um filmão. Particularmente gosto muito de Chapie e imaginar que esse diretor pode trazer uma nova visão sobre Robocop, mas o clássico, vai ser demais.

Rambo 5 vai iniciar a produção em breve

Rambo 5 de Sylvester Stallone está em fase de produção com início para o dia 1º de setembro. A história será a seguinte: John Rambo acabou com Rambo e volta para sua família no Arizona. O quinto filme terá um fazendeiro e amigo de Rambo, que terá sua filha sequestrada por traficantes de sexo e que são novamente membros de um cartel de drogas e o velho Rambo vai resgatá-la.

Preparado para ver o quinto Rambo? A arte do poste é de Ken Taylor. Veja mais do seu trabalho clicando aqui.

Netflix se torna um gigante

Parece que foi ontem que a Netflix começou, em 2011, a trabalhar com conteúdo próprio, lançando House of Cards. Ninguém imaginava que apenas 7 anos depois ela se tornaria a empresa que gasta com conteúdo mais do que qualquer estúdio em Hollywood, com números entre 12 e 13 bilhões de dólares.

Enquanto a Warner Bros. lança 23 filmes este ano, a maior quantidade dentre os grandes estúdios e a Disney, que é o estúdio que mais faz dinheiro no mundo, lança apenas 10, a Netflix se prepara para lançar 82 filmes em 2018.

No lado das séries, as proporções são mais gritantes. Enquanto as redes de TV costumam trabalhar com um número em torno de 12 títulos ou um pouco mais, a netflix vai produzir ou adquirir 700, entre dramas, comédias e documentários.

Pode parecer loucura e inconsequência por parte de Ted Sarandos, chefe de conteúdo da empresa, mas o fato é que os negócios estão indo muito bem pra eles e não há nem sinal de que as coisas vão desacelerar.

Fonte: The Economist